Apollonio Divoto Riserva Speciale 2009  Puglia
  • Apollonio Divoto Riserva Speciale 2009  Puglia

Apollonio Divoto Riserva Speciale 2009 | Puglia


Código 3321

R$ 275,00

Compartilhe

  • Descrição
  • Região
  • Produtor

750ml
Região: Puglia - IGT Copertino Riserva Rosso
Uvas: Montepulciano e Negroamaro

Obtido de Negramaro e Montepulciano (Doc de Copertino), foram produzidas somente 9.800 garrafas, na Itália. Inicialmente, fermentação em grandes cubas de carvalho esloveno; descansa em carvalho francês antes de ser submetido ao afinamento em garrafa durante um ano. Após sete longos anos de espera, está finalmente pronto para beber.

"A safra 2009 ficou conhecida como muito difícil, mas conseguimos produzir essas garrafas, resultado, mais do que nunca, de um intenso e dedicado trabalho na vinha. Verdadeira joia que, desde 1º de janeiro de 2017, delicia os entusiastas mais exigentes", diz o enólogo Maximiliano Apolônio.

No nariz, intenso, e na boca é ao mesmo tempo elegante e austero. O Divoto Riserva Speciale 2009 é rico em nuances: vermelho rubi com toques granada, notas de rosas e frutos vermelhos, tabaco e especiarias. Harmoniza com queijos e pratos bem estruturados. Pode facilmente ser interpretado como um vinho de meditação. Isto na verdade é o julgamento de Joseph Balthasar, médico, ensaísta e orador da Associazione Italiana Sommelier, que, no inicio de janeiro de 2017, conduziu a degustação de lançamento: "A combinação vencedora de Negramaro e Montepuciano, produz um vinho de grande personalidade, surpreendente, vibrante, cheio de energia no olfato e paladar e ainda jovem. Um vinho para ocasiões especiais, destinado a durar, se não fosse pelo fato de terem sido fabricadas algumas poucas garrafas...”

10% desta produção encontra-se agora nas adegas da Casa do Vinho.

Harmonização: particularmente adequado para pratos de carne assada, caças, empadão de carne, cordeiro à carbonara, queijos saborosos e bem temperados.

Teor alcoólico: 14,5°

Não filtrado

A região da Puglia fica no sul da Itália, exatamente no "salto" da bota. A produção da região corresponde 17% dos vinhos italianos e cobre um total de 190 mil hectares divididos em 4 DOCGs, 28 DOCs e 6 IGTs. 

A Classificação IGT ou IGP (Indicazione Geografica Tipica/Protetta), embora englobe muito dos vinhos simples, é usada com frequencia por ótimos produtores por ser mais flexível em relação às castas e manejo permitidos na produção dos vinhos com essa indicação.

Ao se tratar de um bom produtor, essa indicação pode significar vinhos incríveis, frequentemente feitos com uvas estrangeiras como as francesas Cabernet Sauvignon, Chardonnay e outras. Isso permite aos produtores testar novas uvas no local e exercitar sua criatividade. Com o tempo uma IGP pode evoluir para DOC.

Um dos casos mais famosos de grandes vinhos que não se submeteram às regras da sua Denominação são os chamados Supertoscanos, que levaram a indicação mais baixa da Itália, a de Vino da Távola, ainda que fossem estrelas de primeira grandeza.

Puglia

Apollonio Vini 

Região: Itália - Puglia 

A história da vinícola Apollonio remonta a 1870, na sequência da unificação italiana. Foi no sul da área de Salento - onde a maioria das pessoas fizeram a vida de vinho - que a história da família de Apollonio começou. 

À frente da empresa desde 1995, Marcello e Massimiliano Apollonio são a quarta geração da família. Impulsionados pela paixão e entusiasmo e pela experiência que adquiriram no campo, eles decidiram perseguir a meta ambiciosa de expandir seus produtos para além das fronteiras nacionais. 

Sob sua gestão, Apollonio tem se especializado no envelhecimento do vinho, que é vendido para 35 países onde são muito apreciados. 

Segundo Robert Parker e Jorge Lucky, seus vinhos devem ser degustados.

// Comentários

Comentários