Donato dAngelo Aglianico 2012  Basilicata
  • Donato dAngelo Aglianico 2012  Basilicata

Donato d’Angelo Aglianico 2012 | Basilicata


Código 3326

R$ 220,00

Compartilhe

  • Descrição
  • Região
  • Produtor

750ml
Região: Basilicata - DOC Aglianico del Vulture
Uva: 100% Aglianico

Fermentação e maceração com a casca por aproximadamente 10 dias. Maturação em barricas de carvalho de uma capacidade de 50 hectolitros por 18 meses.

Vermelho rubi, nariz de fruta vermelha e notas de picantes de pimenta. Taninos elegantes e firmes, morno, persistente.

Harmonização: caça, cordeiro, carne temperada

Teor alcoólico: 14°




A região da Basilicata fica no sul do país e produz a uva Aglianico em 56% do seu território. É uma região ainda pouco explorada que produz apenas uma minúscula porcentagem dos vinhos italianos que quando vindos de grandes produtores, são complexos, elegantes e inesquecíveis. Há 1 DOCG, 4 DOCs e 1 IGT na região. À DOC (denominazione di origine controllata) Aglianico del Vulture é permitida a produção de vinhos tintos e espumantes em diversas comunas na província de Potenza.

As leis que controlam a produção de vinho seguem a Disciplinare que exige que a DOC produza os vinhos:

- com 100% da uva Aglianico del Vulture.
- com uvas de vinhedos entre 200 e 700 metros de altitude.
- com o máximo de rendimento de 10 toneladas de uva por hectare.
- com o mínimo de 12° de teor alcoólico para o tipo rosso e 11° para o tipo spumante.

Basilicata

Donato D'Angelo

Região: Itália - Basilicata 

A vinícola foi criada em 2001 com a aquisição de 20 hectares de vinhas em zonas clássicas de Aglianico del Vulture, Barile, Ripacandida e Maschito, no Sul da Itália. Os proprietários, o enólogo Donato D'Angelo, cuja família tem feito vinhos Aglianico del Vulture por gerações, e sua esposa Filomena, cresceu no mundo do vinho e tem uma licenciatura em viticultura e enologia. 

Donato estudou na escola de Enologia e Viticultura de Conegliano, Veneto, e foi um dos primeiros viticultores a usar barricas no sul da Itália na década de 1980. Ele começou produzindo vinhos na D’Angelo, sua antiga vinícola em parceria com o irmão.  

O solo é naturalmente vulcânico e a altitude é de 500-550 metros acima do nível do mar, duas condições que são ideais para a uva Aglianico. Esta amadurece tarde e é frequentemente uma das últimas uvas tintas a serem colhidas na Itália, sendo selecionadas no final de outubro para o início de novembro.   

Vinhos Aglianico del Vulture são potencialmente encorpados, desenvolvendo textura rica, estrutura de taninos firme e as típicas notas de chocolate-cereja.  

Aglianico é conhecido por seu grande potencial de envelhecimento e sua capacidade suavizar seus taninos alcançando uma textura mais sedosa, com o tempo. Por isso é intitulado "o Barolo" do Sul. 

A história da Aglianico del Vulture é muito antiga. A uva provavelmente foi introduzida pelos gregos no sul da Itália no século VI ou VII a.C..  

Uma das referências literárias sobre esta uva foi deixada pelo poeta romano Horácio, que celebra a beleza de sua terra natal e a qualidade do vinho.  

// Comentários

Comentários